fbpx

Enfermeira da UPA Boa Vista é a primeira curitibana a ser imunizada

Silvana Maria Bora é enfermeira da UPA Boa Vista, servidora da rede municipal de saúde há 20 anos e desde o início da pandemia ela atua na linha de frente da urgência e emergência em Curitiba. Hoje o dia foi de esperança e muita emoção. Ela foi a primeira curitibana a ser vacinada hoje, pela Secretária Municipal de Saúde, Márcia Huçulak. A solenidade contou com a participação do prefeito de Curitiba, Rafael Greca e do Secretário Estadual de Saúde, Beto Preto. O ato simbólico que marca o começo do trabalho aconteceu no Centro de Eventos Positivo, no Parque Barigui.

“Agora, é fazermos um grande esforço para produzirmos o máximo de vacina que pudermos e também fazer um grande esforço para comprarmos vacina para tornar Curitiba a primeira cidade completamente imunizada no Brasil”, disse Greca. 

Outros três profissionais da Secretaria Municipal da Saúde que vão atuar no grupo de 250 vacinadores durante a campanha também foram imunizados. Na sequência, à tarde, terá início a vacinação nas instituições de longa permanência. A primeira será o Pequeno Cotolengo, no bairro Campo Comprido, onde serão vacinadas 218 pessoas. Incluindo as demais ILPs, a expectativa é de que sejam vacinadas nesta quarta-feira um total de 825 pessoas. Também vão ser vacinados os indígenas, em sua comunidade.

A Secretaria Municipal de Saúde já iniciou o mapeamento dessas pessoas, elas receberão o comunicado de agendamento da vacina pelo App Saúde Já. “A serenidade é o começo da cura, cidade inteligente que é, Curitiba há de saber consultar o Aplicativo Saúde Já e com ordem e com muita urbanidade procurar a imunização”, disse o prefeito Rafael Greca ao lembrar que as vacinas serão realizadas por agendamento pelo aplicativo, para evitar qualquer forma de aglomeração na cidade. Para baixar o aplicativo, acesse: http://www.saudeja.curitiba.pr.gov.br/

Saiba quem são os outros três primeiros vacinados em Curitiba:

Elizabete Moraes Silva é médica intensivista do Hospital do Idoso desde 2012. Atuou no Hospital Vitória de junho a dezembro de 2020, exclusivamente no enfrentamento à COVID-19. Formada em medicina fez residência médica em nefrologia na USP de Ribeirão Preto. Atuou por 12 anos no interior do Paraná, em 2010 mudou-se para Curitiba em busca de mais estrutura para atendimento de seu filho Igor, que tem Paralisia Cerebral e requer cuidados especiais.  Durante todo o período conciliou o trabalho com os cuidados com o filho.

Claudia Maria dos Santos – técnica de enfermagem da US Capanema. Servidora da rede municipal de saúde há 16 anos. Fará parte da equipe de vacinação contra a COVID do município de Curitiba, tem uma vasta experiência em sala de vacinas, sendo uma referência na comunidade. 

Thais Ribeiro Dessanti – faz parte da equipe de higienização e limpeza do Hospital Vitória desde que o serviço foi implantado em junho de 2020. Exerce um papel fundamental, na prevenção de infecções, evitando que o vírus se prolifere no ambiente hospitalar.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques
Instagram