fbpx

Acessibilidade e inclusão em Curitiba: Projetos que visam melhorar a vida de pessoas com deficiência foram divulgados nesta semana

O vereador Pier Petruzziello assinou, nesta semana, junto ao prefeito Rafael Greca, o decreto do Plano Municipal Decenal dos Direitos da Pessoa com Deficiência. O plano contribuirá para uma maior acessibilidade aos serviços prestados pelo município, além de fornecer informações para a construção de um diagnóstico sobre a realidade das pessoas com deficiência residentes na capital paranaense.

Com a participação de diversos órgãos da Prefeitura, como o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Curitiba (CMDPcD), junto com a Câmara Técnica de Acessibilidade (CTA) e o Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência (GDPD) o plano vai traçar as metas de inclusão em Curitiba para os próximos 10 anos.

É a primeira vez que um plano municipal voltado aos direitos da pessoa com deficiência tem um projeto com ações de curto, médio e longo prazo, garantindo, assim, uma constante e gradual melhoria dos serviços e sistemas do município.

“Passada essa década creio que esses valores e direitos já estarão inseridos na sociedade, não sendo mais necessário ter que traçar metas e ações para atingi-los”, diz a diretora do GDPD, Denise Moraes.

Além da assinatura do Plano Decenal, foi anunciada a inovação no transporte do ônibus Acesso. Antes, o agendamento do transporte era feito pelas regionais, agora cada usuário pode fazer o agendamento on-line, o que vai facilitar e agilizar a vida quem utiliza o programa.

Outra novidade anunciada, foi o lançamento do Projeto “Comunicação, Tá na Mão”, que tem o objetivo de promover a comunicação em Libras (língua brasileira de sinais) entre a comunidade surda e servidores municipais de diferentes setores em Curitiba. Para isso, 60 servidores da Prefeitura foram capacitados para atender esse público. Eles receberam um kit de identificação, composto por bottons, crachás, adesivos e identificadores de mesa com o símbolo de Libras, para que a comunidade surda saiba que aquele local possui acessibilidade comunicacional na língua brasileira de sinais.

“Agradeço imensamente a dedicação da Prefeitura de Curitiba, em especial na figura da Denise Moraes e equipe, que estão diariamente na luta conosco. E eu, como líder do prefeito Greca na Câmara de Curitiba, tenho trabalhado firme para aprovar os projetos para que a pessoa com deficiência seja cada vez mais protagonista da própria história”, afirmou Pier.

Com informações da Agência de Notícias da Prefeitura de Curitiba

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques
Instagram